terça-feira, 9 de setembro de 2008

Work!!!!!


Já diziam os antigos:" Quem inventou o trabalho devia ser morto a tiro de caçadeira".
Aceito doações para fazer uma cura num SPA ;)

domingo, 10 de agosto de 2008

sábado, 9 de agosto de 2008

As velhas




Ao fazer uma pesquisa para umas ilustrações que ando a fazer, deparei-me com estas belíssimas imagens. Plásticas para quê? Haverá algo de mais genuino do que estas senhoras?

Eugénio de Andrade escreveu este poema sobre as velhas da minha terra. (Ele nasceu na aldeia onde vivem os meus pais- Póvoa de Atalaia)

Mulheres de preto

Há muito que são velhas,
vestidas de preto até à alma.
Contra o muro defendem-se do sol de pedra;
ao lume furtam-se ao frio do mundo.
Ainda têm nome?
Ninguém pergunta,
ninguém responde.
A língua, pedra também.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Caminhada nocturna em Sintra




Há dias participei numa caminhada nocturna que se intitulava "As Gárgulas" organizado pela equinócio. Vimos muitos pirilampos, as gárgulas é que não :) Os seguranças do palácio não deixaram. Mas ainda assim valeu a pena.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

sexta-feira, 28 de março de 2008

terça-feira, 6 de novembro de 2007



Enquanto existir o espaço,
enquanto aí existirem seres,
possa eu também permanecer
para dissipar a dor do mundo.